Obrigado, Perdão Ajuda-me

Obrigado, Perdão Ajuda-me
EM OUTUBRO PASSADO ANUNCIEI UMA SIGNIFICATIVA DIMINUIÇÃO DA ATIVIDADE DO BLOGUE, TAL NÃO TERÁ SIDO A VONTADE DE DEUS QUE ME FOI DANDO FORÇAS PARA CONTINUAR. ATÉ QUANDO, NÃO VOS SEI DIZER, SEI SIM, QUE CADA DIA É MAIS DIFÍCIL E O MEDO DE ERRAR É SEMPRE MAIOR E MAIOR. PAI AJUDA-ME!

sexta-feira, 5 de março de 2021

A importância de um sacerdote e de um neto


Em janeiro de 2008, tinha o meu neto Sebastião doze anos, no decorrer de um Sacramento de Reconciliação ministrado pelo Pe. António Barbosa, que chamado pelo Senhor nos deixou há três dias, este incentivou-me a um maior empenho em atos que fossem espelho da minha vida cristã. Confesso que saí do confessionário preocupado e interrogando-me como o poderia fazer, sobretudo devido à minha curta vida na Igreja pós reconversão e falta de bagagem.

 


Passados dias o meu neto, hoje com vinte e cinco anos e alguma notoriedade no âmbito do comentário político, ex-Observador, Diário de Notícias e TVI24, criou um blogue e eis senão quando o Senhor me fez descortinar um caminho. Se ele com doze anos havia sido capaz de criar um blogue, eu com a sua ajuda também o poderia fazer o mesmo e assim nasceu o ‘Spe Deus’ a que me aventurei sem qualquer preparação técnica seguindo estritamente o meu instinto.

 

Criei alguma linhas vermelhas como agora se diz, que ainda hoje me imponho, e.g.: não procurar quaisquer benefícios económicos da iniciativa, manter um quase anonimato fazendo questão que tal não fosse visto como secretismos ou cobardia de dar a cara, aspirando a que tudo fosse direcionado ao Senhor.

 


Embora, entretanto, por falta de saúde a atividade do blogue seja escassa, ainda assim ontem foi visitado por 947 leitores e já tenha mais de três milhões de visitas, creio que não fora o incentivo do Pe. Barbosa e a ajuda do meu neto o blogue provavelmente não existiria. Outros houve, que me ajudaram e incentivaram, alguns ainda hoje me acarinham permitindo-me publicar textos seus.

 

Concluo, dizendo que o blogue me fez crescer na fé e que minha história é uma entre tantas que o Mons. António Barbosa terá motivado e incentivado.

 

Obrigado Pe. Barbosa e interceda por todos os que tanto ajudou.

 

João Paulo Reis 

Sem comentários: