N. Sra. de Fátima

N. Sra. de Fátima
Fátima 2017 centenário das aparições de Nossa Senhora, façamos como Ela nos pediu e rezemos o Rosário diariamente. Ave Maria cheia de graça… ©Ecclesia

sábado, 13 de maio de 2017

«Quereis oferecer-vos a Deus?...»

A bênção dos doentes é sempre um momento comovedor, no final das Eucaristias solenes de Fátima. O Papa Francisco aproveitou para lhes explicar o seu papel na Igreja e a nossa missão junto deles.

Retomando a homilia, afirma que «Jesus sabe o que significa o sofrimento». Sabe, por o ter experimentado: «quando passamos por alguma cruz, Ele já passou antes».

«Hoje, a Virgem Maria repete a todos nós a pergunta que fez, há cem anos, aos Pastorinhos: “quereis oferecer-vos a Deus?”. A resposta – “Sim, queremos!” – dá-nos a possibilidade de compreender e imitar as suas vidas. (...) Queridos doentes, vivei a vossa vida como um dom e dizei a Nossa Senhora, como os Pastorinhos, que vos quereis oferecer a Deus de todo o coração. (...) Não tenhais vergonha de ser um tesouro precioso da Igreja».

Como é que Jesus, que conhece o sofrimento, nos consola?

«Penso no Apóstolo Pedro, acorrentado na prisão de Jerusalém, enquanto toda a Igreja rezava por Ele. E o Senhor consolou Pedro. Isto é o mistério da Igreja: a Igreja pede ao Senhor para consolar os atribulados como vós e Ele consola-vos, mesmo às escondidas; consola-vos na intimidade do coração e consola com a fortaleza».

Diante de uma custódia enorme, em ouro, ostentando a Hóstia consagrada, o Papa dirige-se agora a nós:
«Amados peregrinos, diante dos nossos olhos, temos Jesus escondido, mas presente na Eucaristia; como temos Jesus escondido, mas presente nas chagas dos nossos irmãos e irmãs doentes e atribulados. No altar, adoramos a Carne de Jesus; neles, encontramos as chagas de Jesus. Hoje, a Virgem Maria repete a todos nós a pergunta: “Quereis oferecer-vos a Deus?”».

A pergunta fica a ecoar no coração de todos nós.

José Maria C.S. André
13-V-2017

Sem comentários: